“Menos aos Preteridos”: Dia do Quadro Auxiliar de Oficiais – 24 de novembro

Nota: é dia dos Oficiais do Quadro Auxiliar de Oficiais – QAO, comemorar e se alegrar. Foram anos de sacrifício e dedicação integral ao Exército Brasileiro, que resultou a mais bela conquista da carreira das Praças. lamentamos, porém, a vexatória situação de milhares de companheiros “Preteridos”, muitos de forma injusta, pois os processos de promoções necessitam, “a olho nu”, de publicidade, especialmente, sem a pontuação dada pela CP-QAO. FELICITAÇÕES A TODOS OS QAO!

“O Tenente Antônio João Ribeiro, Patrono do Quadro Auxiliar de Oficiais, nasceu na Vila de Poconé, província de Mato Grosso, em 24 de novembro de 1823. Ingressou voluntariamente nas fileiras do Exército como soldado em 1841, no Batalhão de Caçadores Nº 12, Cuiabá (MT). Trilhou uma brilhante carreira, forjando o seu valor profissional no dia a dia dos afazeres castrenses e ascendendo ao posto de 1º tenente pelos relevantes serviços prestados ao Exército Imperial. Destacou-se pelos seus atributos profissionais e pessoais, entre eles a responsabilidade, o espírito de corpo e a liderança. Foi promovido a alferes em 29 de julho de 1852 e, ao posto de tenente, em 2 de dezembro de 1860. Como oficial, destacam-se, entre suas missões, a expedição à fronteira do Baixo-Paraguai (1854) e a direção da Escola Regimental do Corpo de Cavalaria, em Vila Maria (1855)”.

http://www.eb.mil.br/web/noticias/alusivos-e-ordem-do-dia/-/asset_publisher/QKzf8DsobUm1/content/dia-do-quadro-auxiliar-de-oficiais-24-de-novembro

8 comentários em ““Menos aos Preteridos”: Dia do Quadro Auxiliar de Oficiais – 24 de novembro

  • 24/11/2018 em 10:50
    Permalink

    No tocante às promoções dos S Ten, esses caras têm que entrar em massa na justiça.

    Interessante notar que os generais estão indo muito aos tribunais, fica a pergunta, por quê?

    Resposta
  • 24/11/2018 em 11:08
    Permalink

    E um dia muito triste para muitos Subtenentes que tiveram seu direito a promoção roubado por oficiais que compõe uma comissão ilegal e pelos oficiais da DAProm. Tambem são responsáveis os oficiais do DGP e EME. Um processo ilegal perante a lei e que promoveu muito apadrinhados que não tinham a minima condições de sair QAO em detrimento de muitos Subtenentes padrões…….

    Resposta
  • 24/11/2018 em 16:28
    Permalink

    Não há o que se comemorar aquilo que já é tardio e, mesmo assim, se dá de forma fraudulenta, passando por cima da constituição.
    É uma data para produzir um manifesto de repúdio!

    Resposta
  • 25/11/2018 em 22:33
    Permalink

    CONCORDO! “DEP. HELIO tem moral para falar com o Pres Bolsonaro pois esteve junto em todos os momentos da exitosa campanha” e certamente irá levar os clamores da classe dos PRETERIDOS em busca da almejada e justa promoção à 2º Ten, pois também é um dos nossos, e não suporta ver a injustiça e descaso da DAPROM que macula processos e rasga a CF/88, a seu bel prazer, fazendo “terrorismo psicológico” aos STen em final de carreira! RELEMBRO, lembrem VOCÊS também e repassem: Quando o então Cap Bolsonaro lutou por direitos, MUITOS OFICIAIS o PROIBIRAM de entrar nos quartéis logo no início de sua campanha para Deputado! E agora senhores Cel, Generais? Rsss. Então sejam coerentes por favor! Nem vou tecer comentários!
    Permitam que se dê um fim ao ranço com seus velhos STEN, os quais já deram e ainda dão sua devotada parcela à nossa Instituição! Tal fato não seria alvo de acaloradas críticas se a DAPROM tivesse cumprido seu papel tendo levado as promoções na legalidade e não desrespeitando a Lei da Administração Pública (LIMPE)! Entre militares o Presidente Bolsonaro foi eleito com a maioria dos votos das praças e suas famílias, então nada mais justo do que seu já prometido “olhar sobre a tropa”, especialmente os mais injustiçados! ALGUNS de vocês irão lembrar que Bolsonaro no início de sua vida de candidato percorreu estados, quartéis em busca de apoio, e numa dessas visitas foi ao Grêmio GERALDO SANTANA em Porto Alegre no ano de 1994 ou 1996…. o ônibus que nos levou lotou de PRAÇAS alguns poucos oficiais! Afinal está na hora de acabar essa novela das promoções, STen Hélio, leve este pleito ao nosso Presidente Bolsonaro, converse com ele, com certeza temos muitos STen PRETERIDOS com Excelente qualificação moral, física e intelectual, temos certeza de nossa vitória para o Bem Maior se Deus quiser!

    Resposta
  • 30/11/2018 em 16:34
    Permalink

    Alguém precisa ver o tratamento desumano que é dado ao praça preterido por motivo aleatório e subjetivo de alguém que tem que sacrificar homens para não comprometer seu orçamento, que mantido em quadro de acesso a promoção, sendo alimentado de uma vã esperança humilhante que diante de seus pares, subordinados e superiores, morre a cada processo de promoção na vergonha e decepção, devendo ainda, na amarga e desonrosa angustia, continuar na frente da tropa que lhe tem mais pena que respeito, a tropa que cumprindo o caminho traçado do brete o ultrapassa ou passa por cima. Não foi assim que fomos forjados, mas criminosamente assim temos que suportar nossos últimos dias na força, sem sabermos a quem recorrer, de como nos defender de quem temos a obrigação de amar.

    Resposta
  • 08/12/2018 em 10:27
    Permalink

    Onde sirvo tem Sten preterido que não conversa com Ten QAO que ultrapassou o Sten que era mais antigo. Uma situação complicada, pois percebo muita desunião e desarmonia entre os subtenentes. Tem sub que está deprimido, tem sub que está menos flexível, tem outros estressados,pior de tudo que nada é feito para amenizar o ambiente em questão.

    Resposta
  • 08/12/2018 em 13:46
    Permalink

    Nada a comemorar é preferível ver esse quadro extinto a ver do jeito que está: sem transparência, com lisura questionada, ilegal em 2ª instância, arbitrária e recheada de irregularidades. Triste para toda a instituição.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.