MINISTRO DA DEFESA: ‘MISSÃO CUMPRIDA É O QUE IMPORTA AO EGO DOS MILITARES’

Raul Jungmann, usa e abusa das Forças Armadas como seu cabo eleitoral – Abaixo link onde assina protocolo de uso das Tropas Federais no Rio de Janeiro.

https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2018/01/12/jungmann-ironiza-pedido-de-crivella-e-veta-envio-de-tropas-para-carnaval-do-rio.htm

MISSÃO CUMPRIDA VALE MAIS QUE FAMÍLIA – ABUSE E USE

Ao final de cada missão, a velha máxima de felicitações: ‘MISSÃO CUMPRIDA! Vocês estão de parabéns. Estamos todos orgulhosos’.

Jungmann tira proveito político do trabalho farto e barato dos militares. Basta pagar 2% de representação e dá umas ‘tapinhas nas costas’.

SACERDÓCIO E SUBSERVIÊNCIA – TRISTE REALIDADE

Pouco tempo a frente do MINISTÉRIO DA DEFESA foi o suficiente para o Ministro da Defesa, o então Comunista Raul Jungmann, aprender e tirar proveito do sacerdócio e subserviência dos militares.

Governadores dos Estados sabem que a toda hora e a qualquer momento podem solicitar Tropas Federais e lá estão os Militares, ou melhor, ‘Severinos da Pátria’.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA – PREPAREM O LOMBO

Pelo raciocínio de servidão e sacrifício, certeza que a Profissão Militar se tornará cada vez menos atraente, especialmente após a Reforma da Previdência.

‘Mão de Obra’ desmotivada e sem sentimento de pertencimento para com as Instituições Militares.

Forças Armadas como mero emprego e trampolim para Cargos Públicos que propiciem melhores condições salariais e de trabalho, sem servidão.

Pior é que o universo que se vislumbra está totalmente nebuloso ou fechado

2 comentários em “MINISTRO DA DEFESA: ‘MISSÃO CUMPRIDA É O QUE IMPORTA AO EGO DOS MILITARES’

  • 12/01/2018 em 21:24
    Permalink

    Se ele afirmou isto mesmo, quis fazer piada, chacota com as cara dos militares!!!! seu comunista ministro, temos famílias pra sustentar, estamos nesta situação financeira por conta de políticos corruptos e pela omissão dos chefes das forças armadas.

    Resposta
  • 12/01/2018 em 18:59
    Permalink

    Não se importam no povo são só interesses políticos.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.