Acabou: Brasil não participará da Missão de Paz da ONU na África (RCA)

O Centro de Comunicação Social do Exército informou que o Brasil não enviará 750 militares para a Operação de Paz na África, República Centro Africana. Será recusado o convite da ONU.

PREVALECEU A POSIÇÃO CONTRÁRIA DO MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES

Os Diplomatas brasileiros foram taxativamente contrários ao envio de Tropas Brasileira, a República Centro Africana, por motivo, do que entender ser, graves riscos ao povo brasileiro.

Dentre os principais argumentos, estaria a possibilidade de atrair grupos terroristas a atuar em nosso território. Ou seja, o medo de ataques terroristas prevaleceu.

PRESIDENTE MICHEL TEMER E TAMBÉM GENERAIS SÃO CONTRÁRIOS AO ENVIO DE TROPAS BRASILEIRA  – RISCO DE MORTE 

Outro fator, importante, para a negativa de envio de Tropas Brasileira, estaria na discordância de Generais de 4 Estrelas e Almirantes, da participação do Brasil.

Os argumentos principais vão ao encontro que essa Operação de Paz, em verdade, seria uma ‘Operação de Morte’, com riscos a integridade dos militares, com possibilidade real de baixas na tropa, também por doenças locais.

CCOPAB – CENTRO CONJUNTO DE OPERAÇÕES DE PAZ DO BRASIL DEVE VIRAR MUSEU OU SER TRANSFORMADO EM CENTRO DE TREINAMENTO DE GLO

O CCOPAB, com uma estrutura faraônica, deve virar museu e ser desativado, pois seria incabível manter tal estrutura, sem efetivamente existir Tropas a serem adestradas.

Por outro lado, há defensores para que o CCOPAB seja transformado em centro de treinamento em Operações de Garantia da Lei e da Ordem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.