Imprensa: Reservistas das Forças Armadas no combate a violência contra a Mulher

O IBARP – Instituto Brasileiro de Apoio aos Reservistas da Pátria, formado por ex-militares das Forças Armadas é destaque na imprensa baiana, por Ação Social de Combate a Violência contra a Mulher, em Salvador.

Evento discute apoio do homem no combate da violência contra a mulher em Salvador

Uma em cada três mulheres sofreram algum tipo de violência

Foto: reprodução/ Varela Notícias

A Estação da Lapa recebeu nesta sexta-feira (18), um evento realizado pelo Instituto de Apoio ao Reservista da Pátria (IBARP), abordando a questão da violência contra mulher e o papel do homem nessa luta. O presidente do instituto, Messias Santana, ressaltou que o objetivo dessa ação é “realizar uma atividade de combate à violência contra a mulher. Trazer homens que serviram aos quarteis, que são chamados de reservistas das forças armadas, justamente com o objetivo de mostrar que a luta no combate da violência contra a mulher não é única e exclusivamente da mulher, mas também dos homens”, disse.

Messias destaca que o apoio do homem nessa causa, tem uma grande importância, já que o “silêncio e essa omissão do seguimento masculino fazem com que a violência aumente”, finaliza.

Os dados da violência contra mulher mostram que uma em cada três mulheres sofreram algum tipo de violência. Em agressões físicas, o número é chega a 503 mulheres brasileiras vítimas a cada hora, de acordo com pesquisa do Datafolha. A denúncia de violência contra a mulher pode ser feita pelo Disque 180.

http://varelanoticias.com.br/evento-discute-apoio-do-homem-no-combate-da-violencia-contra-a-mulher-em-salvador/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.