Militares do Exército são Presos em Brasília por Tráfico de Armas

“Polícia Civil desencadeia operação Shooter no DF e em municípios do Entorno para cumprir 22 mandados de prisão temporária e 40 de busca. Alvos são pessoas acusadas de traficar armas

postado em 23/03/2018 09:16 / atualizado em 23/03/2018 10:12

No total, 170 agentes e 20 delegados participam da operação. Os mandados estão sendo cumpridos no Cruzeiro, Riacho Fundo I e no Novo Gama (GO) e Valparaiso (GO)(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
No total, 170 agentes e 20 delegados participam da operação. Os mandados estão sendo cumpridos no Cruzeiro, Riacho Fundo I e no Novo Gama (GO) e Valparaiso (GO)(foto: Ed Alves/CB/D.A Press) 
Desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (23/3), agentes da Polícia Civil estão nas ruas do Distrito Federal e de municípios do Entorno. Eles cumprem 22 mandados de prisão temporária e 40 de busca e apreensão contra organização criminosa responsável por tráfico de armas. A corporação batizou a operação de Shooter.
Entre os envolvidos, estão quatro militares do Exército Brasileiro entre reformados e ativos, além de colecionadores de armas. Até a última atualização desta reportagem, mais de 10 suspeitos tinham sido presos, de acordo com informações da Polícia Civil.
No total, 170 agentes e 20 delegados participam da operação. Os mandados estão sendo cumpridos no Cruzeiro, Riacho Fundo I e no Novo Gama (GO) e Valparaiso (GO). A investigação é da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (Draco) da Coordenação de Combate ao Crime Organizado, ao Crime contra a Administração Pública e contra a Ordem Tributária (Cecor).

Operação Paiol

Em 7 de março, agentes da 23ª Delegacia de Polícia (P Sul) deflagraram a Operação Paiol, que desarticulou uma associação criminosa acusadas de tráfico de armas no DF. Pedro Henrique Freire de Santana, ex-soldado do exército e ex-policial militar de Goiás, foi apontado como o chefe do esquema. A suspeita é de que ele conseguia os armamentos com ex-colegas de serviço.
Aguarde mais informações”

Um comentário em “Militares do Exército são Presos em Brasília por Tráfico de Armas

  • 27/03/2018 em 13:53
    Permalink

    Novidade nenhuma ter militar das FA envolvido nesse tipo de ilícito. Tem que investigar a DFPC, as seções de produtos controlados dos Batalhões. Se for investigar a fundo vai pegar muita coisa.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.