Mourão chama STF de “Marxismo de Toga” por soltar José Dirceu (Ladrão)

Zé Dirceu, ex-guerrilheiro e ladrão

Recém empossado na presidência do Clube Militar, o General Hamilton Mourão disparou sua artilharia contra a segunda turma do STF, que determinou na última terça-feira (26) a soltura do mensaleiro José Dirceu “um ex-guerrilheiro e, pior ainda, ladrão dos parcos recursos desta Nação”, afirmou.

Marxismo de toga

Em nota oficial, o militar da reserva classifica Dias Toffoli, Lewandovski e Gilmar Mendes como espécimes do “homo marxianus” (homem marxista), para os quais “nada é mau, desde que atenda suas conveniências”.

Agora, ele pode

Cabe lembrar  que a lei garante aos militares inativos o direito à livre manifestação. Desta vez, Mourão age dentro da lei, ao contrário das manifestações que fez ainda na ativa, quando deveria ter sido punido exemplarmente.

Leia a nota do Clube Militar

 “VERGONHOSA DECISÃO”

Gen Ex Antônio Hamilton Martins Mourão

Presidente do Clube Militar

No último dia 26 de junho, dia em que comemoramos os 131 anos de fundação da Casa da República, tive a honra e o privilégio de assumir a Presidência do Clube Militar, onde, juntamente com meus vice-presidentes e diretores, irei não só dar continuidade ao excelente trabalho realizado pela equipe do Gen Pimentel, como também atuar no sentido de apoiar, incondicionalmente, nossos candidatos oriundos da família militar.

Contudo, ao retornar para minha residência, tomei conhecimento da decisão da 2ª Turma do STF, colocando em liberdade o condenado José Dirceu, um ex-guerrilheiro e, pior ainda, ladrão dos parcos recursos desta Nação. A argumentação do Ministro Toffoli soou como um tapa na cara da população ordeira e que paga os pesados impostos, os quais alimentam os salários e mordomias daquela casta. Óbvio que o time formado por Gilmar e Lewandowski de imediato legitimou a tese de que a dosimetria da pena de Dirceu poderia ser revista. Ora minha gente, independentemente do tempo que tenha de cumprir, a verdade é que Dirceu está condenado em 2ª instância e, portanto, deveria aguardar na cadeia a solução do seu caso.

Esses Ministros constituem o exemplar “perfeito” daquilo que Skousen denominou de “homo marxianus” (homem marxista). Esta espécie, infelizmente ainda abundante em nosso País, considera que nada é mau, desde que atenda suas conveniências. Libertaram-se de todas as restrições da honra e da ética que os confinavam e que a humanidade havia tentado usar como base para a harmonia nas relações humanas. Quantas leis houverem, igual número eles as quebrarão.

VERGONHOSA DECISÃO!!!!!

6 comentários em “Mourão chama STF de “Marxismo de Toga” por soltar José Dirceu (Ladrão)

  • 01/07/2018 em 12:44
    Permalink

    Este ai só virou um Leão quando saiu General de Exército e não tinha mais nada a perder. Quer criar uma imagem de herói, mais nada faz…..só papo.

    Resposta
  • 01/07/2018 em 13:32
    Permalink

    Estragou o meu domingo, entrar aqui e me deparar com esse, mais um, arrastador de corrente. Mais um da série: NUNCA FIZ NADA DE BOM PELA TROPA. AGORA DE PIJAMA, VOU FALAR ALGUMAS BOBAGENS PARA VER SE ALGUÉM ME ESCUTA. Outro zero a esquerda. Sobre a entrega do pré-sal, ele não fala nada. Vai cuidar dos netinhos e não atrapalha a vida da nação. Vá pro clube militar. Lá tá cheio de arrastador de corrente

    Resposta
  • 02/07/2018 em 07:04
    Permalink

    Se não fosse a PF o Brasil estaria embrenhado no caos, porque os generais se acomunaram no poder e nada sabem sobre as falcatruas na política, e usa a inteligência somente para perseguir os pobres de movimentos sociais e praças! São elitistas e no máximo agraciam os corruptos para fazer lobby em troca de boquinhas para si e seus parentes, fato!

    Resposta
  • 02/07/2018 em 07:56
    Permalink

    Porra Messias…não dá visibilidade pra esse cara não. Esse nunca somou em nada.
    Falastrão, presepeiro, embusteiro, gargarejador, bobalhão e aprendiz de bruxo.
    Enquanto o Clube Militar ataca os poderes da República em razão do ufanismo da oficialidade, as associações de praças sofrem ataques sitemático com o objetivo de extinguí-las, só pelo fato das Praças buscarem a efetividade e aplicação da constituição.
    Esse Mourão e os Clubes Militares fedem.

    Resposta
  • 04/07/2018 em 07:42
    Permalink

    Se a nação brasileira realmente conhecesse nossos generais jamais pediriam intervenção militar, porque eles brincam com o erário a bel prazer, fazem do EB, uma instituição repúblicana, o seu curral, não tem planejamento nenhum, não dão sequências nos projetos de seus pares para não dar visibilidade aos mesmos, não lutam pela tropa, são desleais, coorporativistas entre os oficiais para prejudicarem seus subordinados, adotam uma mamata com erário, não mandam em casa, deixando suas senhoras crimisamente palpitarem nos quartéis, boca boa somente para os oficiais, cursos etc, fazem lobby criminoso em todas as instituições e principalmente na justiça, mudam e coagem pareceres médico, usam a inteligência para perseguir seus subordinados, não respeitam a constituição ou leis, principalmente quando querem prejudicar alguém, fingem ser legais e são extremamente traíras, sempre jogam a culpa em praças quando as coisas dão erradas, fazem engenharia social para promover somente a imagem dos oficiais, são sabem conduzir a força, comem na mão dos sargentos, não são amigos e nem de confiança, são omissos quando a polícia sacaneia seus subordinados etc.. Por fim não preocupam com aumento salarial pois conta com as mordomias da força, usando seus subordinados até como empregadas domésticas, por fim são deuses, SQN!

    Resposta
  • 10/07/2018 em 19:38
    Permalink

    Praça não vota em general, são extremamente desleais com os subordinados e não conseguem gerir a própria casa! Exemplo de covardias: MP do mal, 28,86, tabelas movimentações, falta de pnr, política por boquinhas, poupex para a corte, Fusex com fila bisurada, não defendem seus subordinados… etc

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.