Tragédia: Esposa de Coronel Mata o Filho e Comete Suicídio, em Vila Militar

Mais uma tragédia na Família Militar, envolvendo a desgraça do Suicídio – O que fazer contra o inimigo silencioso?

NOTA A IMPRENSA DO COMANDANTE DA 17ª BRIGADA DE INFANTARIA DE SELVA

Os nossos mais sinceros sentimentos – Que Deus os Receba e Conforte a Família

3 comentários em “Tragédia: Esposa de Coronel Mata o Filho e Comete Suicídio, em Vila Militar

  • 28/02/2018 em 19:09
    Permalink

    Mais uma desgraça na vida de militares, envolvendo a TÃO IGNORADA DOENÇA “DEPRESSÃO”. Até quando estes “chefetes” tratarão esta patologia com desprezo e descaso?!!!!
    Essa instituição só é séria quando convém a quem comanda, aos políticos e à opinião pública.
    Lamentável…

    Resposta
  • 01/03/2018 em 07:48
    Permalink

    O que destrói a família militar atualmente são as freqüentes transferências por nivelamento… Comparáveis a uma explosão de uma bomba dentro de nossos lares… Além dos transtornos normais de uma mudança inesperada… Nossos familiares ficam sujeitos a uma série de doenças como a anciedade… Depressão… é uma série de distúrbios que provocam uma quebra da união familiar… com divórcios… Afastamento dos filhos… Parentes… Etc… Mas o comando da Força prioriza sem a tal da famigerada “Necessidade do Serviço” que só vale para aqueles que não são peixes… Dentro da instituição… Lamentável…

    Resposta
  • 01/03/2018 em 08:50
    Permalink

    REALMENTE É UMA TRAGÉDIA.
    MAS O FATO DEVE SER INVESTIGADO MINUCIOSAMENTE;
    OS AGENTES PÚBLICOS DEVEM AGIR DE FORMA EXTREMAMENTE CRITERIOSA PARA APURAR O FATO;

    SEGUNDO INFORMAÇÕES VEICULADAS PELA MÍDIA O CORONEL (PAI E MARIDO) PASSOU MAL E FOI INTERNADO NO HOSPITAL DO EXÉRCITO;

    RESTA SABER A VERDADE, OU SEJA, O QUE LEVA UMA ESPOSA DE UM MILITAR (CORONEL) E SENDO ELA MÃE DE UMA CRIANÇA DE 2 ANOS MATAR O PRÓPRIO FILHO E EM SEGUIDA SE MATAR!!!!!!!!!!!!!! TAL SITUAÇÃO DEVE SER ANALISADA COM PROFUNDIDADE E CRITÉRIO!!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.